Lombalgina – Para que Serve, Como Usar, Preço e Onde Comprar?

Lombalgina possui como substância ativa o Ibuprofeno, um poderoso anti-inflamatório capaz de aliviar dores, febres e agir em diferentes tipos de tratamentos. Sendo assim, Lombalgina é um ótimo medicamento, muito útil para se ter em casa. Facilmente encontrado em todas as farmácias e drogarias brasileiras por um preço bem acessível. É vendido principalmente embalagens com comprimidos revestidos com 300 mg. Veja abaixo para que serve e como usar.

Onde Comprar Mais Barato?

Quer aproveitar os descontos? Então adquira Lombalgina pela internet. Ela pode ser encontrada em sites de farmácias como Onofre, Ultrafarma, Net Farma, Droga Raia e muitas outras. Essas farmácias possuem novidades toda a semana e oferecem os menores preços do mercado. Acesse, pesquise e chegue à conclusão de onde é o menor preço. Em algumas farmácias é exigida a prescrição médica para a venda.

Para que Serve a Lombalgina?

Lombalgina é da classe dos anti-inflamatórios não esteroides, portanto possui ação analgésica e antipirética, capaz de aliviar e eliminar toda a dor em poucas horas. Com o uso desse medicamento você começa a sentir alívio depois de 30 minutos e a absorção máxima dura por até 3 horas.

Lombalgina pode ser usada para aliviar dores de procedimentos cirúrgicos da área de odontologia, ginecologia, traumatologia, ortopedia e otorrinolaringologia. Também é eficaz contra dores reumatoides, nas costas, de dente, enxaquecas, gripes e resfriados. Em casos mais simples pode ser administrado sozinho, sem indicação médica, como no caso de dores de cabeça. No entanto, nos demais casos, é indispensável ter acompanhamento e indicação médica.

Preço da Lombalgina

A Lombalgina pode ser encontrada em grande parte das farmácias por um preço médio de R$12,00. Esse valor pode ser alterado de acordo com a região, mas nunca sai muito dessa média.

Como Usar a Lombalgina?

A posologia indicada de Lombalgina é de 1 comprimido de 600 mg (ou 2 de 300 mg) tomados até 4 vezes ao dia, até o fim da inflamação. Lombalgina pode ser tomado antes ou depois de suas refeições e a posologia pode ser alterada de acordo com o tio de problema e a avaliação médica.

Em alguns casos é preciso dosagens maiores, por isso é essencial se consultar com o profissional para que ele lhe indique a melhor forma de usufruir de Lombalgina.

Efeitos Colaterais da Lombalgina

Mesmo sendo útil em diversas ocasiões, Lombalgina pode apresentar algumas reações adversas, principalmente quando ingerida em superdosagem ou quando o paciente não respeita as contraindicações. Nesses casos, podem surgir efeitos colaterais como coceira e vermelhidão na pele, sono, diarreia, náusea, dor de cabeça, constipação, sudorese.

Para tentar evitar os efeitos colaterais, além de consultar o médico, fique atento às contraindicações: Lombalgina não deve ser ingerido por pacientes com hipersensibilidade a qualquer substância de sua fórmula, grávidas e crianças menores de 6 meses de idade.

Composição da Lombalgina

A substância ativa de Lombalgina que está presente em todos os seus comprimidos é o ibuprofeno. Os excipientes devem ser consultados diretamente na bula. Lembre-se: fique atento também aos excipientes e, se for alérgico a algum, não tome.

Talvez você se interesse por:

Este artigo foi lhe útil? Clique no G+1. É muito importante para nós!